O conto de Sanehet

O conto de Sanehet – conhecido também por Sinuhê – é um dos mais antigos textos de criação dos egípcios. Sanehet é protagonista dessa saga da literatura nilótica, entretanto não há provas de sua existência, tampouco imagens que possam ilustrá-lo. Assim, apenas os textos desse conto nos chegaram com seu

Continue reading

O Faraó Narmer: Senhor das Duas Terras

Predominantemente desértica, a região onde se encontrava o Egito Antigo tinha pouca vegetação, que se concentrava principalmente às margens do rio Nilo. Esse fato levou os egípcios a abandonarem seus comportamentos nômades e se assentarem em territórios próximos ao rio, chamados de “nomos”. Esses grupos passaram a se unir no

Continue reading

Nefertiti – A Bela Chegou

Nefertiti, que significa “a bela chegou”, foi o nome de uma famosa rainha que viveu no Antigo Egito no período designado Amarniano, na XVIII Dinastia (1550-1307 a.C) Ela foi a Grande Esposa Real do faraó Amenhotep IV (1353-1335 a.C), que ficou mais conhecido na história pelo nome de Akhenaton. O

Continue reading

Tutankhamon – O faraó menino

  Tutankhamon foi faraó durante a XVIII Dinastia (c. 1550-1307 a.C.), sucedendo seu pai Akhenaton, governante responsável pela reforma amarniana. Nesta passou-se a cultuar um único deus, Aton – representação do disco solar. Quando Akhenaton morreu o culto a Aton foi abandonado e após uma conturbada sucessão ao trono, o

Continue reading

TUTMÉS III: “O Napoleão do Egito Antigo”

  O faraó era o símbolo máximo de poder na sociedade egípcia. Era revestido com suas insígnias de poder, como as coroas e os cetros. Além disso, o faraó era encarregado de fazer reinar Maat na terra. Mas, o que isso significa? Filha do deus Ra, Maat era a deusa

Continue reading

CLEÓPATRA VII- “rainha dos reis”

Cleópatra VII théa philopator, que em grego significa “deusa que ama seu pai” foi a última rainha do Egito antes da conquista e anexação do território egípcio por Roma. Cleópatra pertencia a dinastia Ptolomaica, ela nasceu em Alexandria em 69 a.C, seus pais eram Ptolomeu XII Aulete (80 – 51

Continue reading

Anúbis – O Senhor do Embalsamamento

A divindade representativa da mumificação, Anúbis, é o senhor do embalsamamento, seu nome vem do grego Ἄνουβις (Anupu), mas o povo egípcio o chamava de Inpw que significa abridor dos caminhos, era representado na sua forma antropozoomórfica com cabeça de chacal e corpo de homem ou um chacal deitado. De

Continue reading

Háthor Representações do feminino no Egito Faraônico

Háthor em egípcio antigo ḥwt-ḥr, que significa recinto ou casa de Hórus, era uma das deusas mais cultuadas pelos antigos egípcios. Dentre suas várias representações ela aparece como sendo uma mulher com um disco solar acima de sua cabeça entre seus chifres bovinos ou com corpo de mulher e orelhas

Continue reading

O deus egípcio Bes

O nome pelo qual é chamado, ‘Bes’, originário da palavra ‘besa’, que significa ‘proteger’ era designado para representar uma variação de dez deuses que tinham muitas características semelhantes – Aha, Amam, Bes, Hayet, Ihty, Mefdjet, Menew, Segeb, Sopdu e Tetetenu. Suas origens datam do Reino Antigo, onde o deus Aha

Continue reading

Seshat

Seu nome, Seshat, quer dizer ““*a escriba” , pois sesh significa escriba e o sufixo et (ou at) indica o gênero feminino. Outro nome atribuído à deusa é Sefkhet-Abwy, referente aos emblemas característicos colocados sobre a cabeça da deusa. Ela também pode ser chamada de a primeira de per-medjat “a

Continue reading